quarta-feira, 6 de agosto de 2008

A lingua do mundo

Podemos ter toda nossa razão, mas se as pessoas ao nosso redor não pensarem da mesma forma - nós é que iremos parar na fogueira. Nunca soube muito bem explicar tal linha de raciocínio e por isso decidi copiar mesmo - é, quase roubar - um texto que exemplifica e simplifica o raciocínio. Não é por ser realidade que eu concorde ou que ela seja boa, muito pelo contrário, mas não há solução. Meio que me sinto o Tufiq. É, sou o tal do Tufiq.

"Khidr, o senhor do mundo, deu um aviso à humanidade: ia fazer desaparecer toda a água da Terra, exceto a que tivesse sido guardada pelos homens. E, quando as águas voltassem a correr, elas trariam em si o micróbio da loucura: quem as bebesse, perderia a razão.

Ninguém prestou atenção no aviso, exceto Tufiq. Estocou a água na cisterna, e esperou.

As águas pararam de correr - e quando voltaram, levavam a loucura a quem as bebesse. Todos da aldeia beberam. E todos ficaram loucos, exceto Tufiq - que continuava a beber sua água estocada.

Cinco dias depois, Tufiq havia sido preso e condenado a morte - seu comportamento estranho não estava de acordo com o resto da aldeia."

(Paulo Coelho)

12 comentários:

Rê Thuler disse...

Nossaa adorei essa historia de principe hipocondriaco...

Tem dois personagens hipocondriacos que eu amo, o Terry (Billy Bob Thornton) do filme "Vida Bandida", e a girafa Melman de madagascar...

e nesse post ainda com o texto do paulo coelho, me apaixoneiii completamente pelo seu blog!

=)

beijosss

Thaise de Melo disse...

Esse texto trata de uma verdade quase absoluta.
A verdade não é verdade por si só. A verdade só é verdade quando a maioria acredita nela, assim como a mentira só é mentira quando é descoberta.
Sendo assim, verdade na qual ninguém acredita não é verdade, é suposição ou loucura, mesmo essa sendo comprovada. E quem vai de contra a loucura na qual todos acreditam, esses são loucos.
E esse assunto é diferente da verdade, porque esse assunto é confuso por si só.
Não é verdade??

- AUhauahuahau -

Abraços!

Mandy disse...

Passando pra dizer q acabei de atualizar o blog, da uma conferidinha lá no post!!!

E têm selinhos para você!!!

^^

BjO.

Morgαnα disse...

noossa,
muito legal o texto :)

Realmente quando apenas um acredita ou presta atenção em algo é tachado como maluco,
e só no futuro vão descobrir o quão certo ele estava,
temos tantos exemplos assim hj em dia ...
pena que não valorizaram os gênios na época em que viviam,
talvez a Terra fosse muito mais evoluída hj em dia ^^

Beijos

StéfanO Kut disse...

Paulo Coelho...^^
show de bolaa...
falando nisso tem uma entrevista show com ele no fantástico hj...^^
abraçãooo em!!!
t+++

Fernando disse...

não curto muito essas coisas, mas o blog ta bem legal, oarabens, continue assim, tem um conteudo rico.


http://fernandobloga.blogspot.com/

Art =] disse...

uahauhaua

mtu bom...

eh assim....ou vc se adapta ou vc se torna um estranho o.o

flw

Inho disse...

concordo com o fernando conteudo rico mas eu tbm não curto

Amanda Diógenes. disse...

Nossa, se você é realmente o que você transmite no seu blog, e nos seus posts, deve ser uma pessoa maravilhosa, pois eu simplesmente amei :D

Tyciara Olvieira: disse...

Apesar de nao ler muito e gostar de Paulo Coelho, tenho que admirar esse texto e concordar com ele e suas palavras.
Tenho até dificuldade de falar alguma coisa a respeito dele, n sei pq, talvez por ignorancia de desconhecimento de tais analises, enfim, mas a ideia foi passada e entendida, rs.

:)

Le Petit Prince disse...

Asaushaushuasuahsuahs

Tambem sempre pensei assim. E gostei muito desse texto do Paulo. De qual livro dele é?

Victor aki eh o ex-dono do pekenoprincipee.
Agora criei esse blog novo.
Tenta dar uma passada lah.
;)

http://bodegadosmith.blogspot.com/

Dan Souza disse...

Conheço essa história tb...rs
Engraçado,a gent nunca se importou muito com o que os outros pensavam quando estavamos juntos, agora a gent se importa!

Bjo