sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Procure no mapa

Eu não estou aqui! Se procuram por mim não vão me achar escondido ou descrito em palavras. Não estou no que falo depois de umas doses de conhaque nem no que dizem minhas mensagens. O que faço não está em 140 caracteres nem no retrato mais comentado. Não estou em tudo digo, não sou o que ouço, nem o que me aplico. Não tem nada de mim nem nas repostas que me dão por aí. Eu me vejo numa soma de vários em relação a várias pessoas. Não vão catar todos os pedaços. Não vão aprisiona-los. Não há de ser limitado. Não procurem por mim nesse caminho.
{...}

Um comentário:

Angelo A. P. Nascimento disse...

E onde achar o todo indivisível?
Mapas serão inúteis, eu sei. Mas todo esforço será recompensado.
Abraços