quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Minhas lágrimas secam por si só


O silêncio torna-se o mais barulhento de todos sons enquanto a solidão ecoa no oitavo andar. De pensar que vai ser assim nos próximos 4 ou 5 anos, ou pelo resto do tempo, traz a angustia que amarga o sabor do vinho. Pra despistar Amy começa a cantar na tv. When will we get the time to be just friends? ♪ Adianto as músicas. Me and my head high ,and my tears dry ♪. E parece que vai ser assim agora. É esta a sensação de quando o número de despedidas supera o de encontros. São os últimos feitos nesse mundo sendo concluídos, preparando o pé pra por na tábua. E nisso o vinho dança em círculos no copo. A lembrança de um passado (sim é essa a palavra, sonhava em dizer-la) volta. É meio loucura digitar teu numero no celular e, por pouco quase aperto 'chamar'. Saudade de que? Da quantidade ou da qualidade!? I cry for you on the kitchen floor ♪



2 comentários:

Nicolle Longobardi disse...

"O silêncio torna-se o mais barulhento de todos sons enquanto a solidão ecoa no oitavo andar."
Nossa!Mega profundo e nos faz pensar.Seu blog está perfeito,parabéns!
Beijos,fuii..
(Depois passa lá no meu e comenta =D)

Bruna Cabral disse...

Nossa! Gostei do post. Quem seja ela, tem que ler isso...

http://oquevocequerserquandocrescer.blogspot.com/